[Review] Gayle Forman – O que há de estranho em mim

Sobre a autora :Mia Sheridan
Sobre o livro :  Arqueiro , Skoob , Goodreads 
Compre aqui : Livraria Curitiba , Livraria Cultura , Saraiva , Amazon
Leia um trecho : O que há de estranho em mim

Sinopse : Ao internar a filha numa clínica, o pai de Brit acredita que está ajudando a menina, mas a verdade é que o lugar só lhe faz mal. Aos 16 anos, ela se vê diante de um duvidoso método de terapia, que inclui xingar as outras jovens e dedurar as infrações alheias para ganhar a liberdade. 
Sem saber em quem confiar e determinada a não cooperar com os conselheiros, Brit se isola. Mas não fica sozinha por muito tempo. Logo outras garotas se unem a ela na resistência àquele modo de vida hostil. V, Bebe, Martha e Cassie se tornam seu oásis em meio ao deserto de opressão. 
Juntas, as cinco amigas vão em busca de uma forma de desafiar o sistema, mostrar ao mundo que não têm nada de desajustadas e dar fim ao suplício de viver numa instituição que as enlouquece.


”Há monstros ao nosso redor
Eles são tão difíceis de ver
hey não têm presas, sem garras ensanguentadas
Eles se parecem com você e eu.”


   Quando comecei a ler esse livro , mais ou menos na metade do primeiro capitulo ,você consegue encaixa -lo em um daqueles livros que os pais ( pai e mãe) são autoritarios e extremistas. Não me levem a mal porem a impressão que tive é que ninguem iria socorrer a Brit . Então como se não bastasse. nossa personagem principal toca em uma banda . ( é logico que ela irá fazer algo inaceitavel para pais extremistas ou não teriamos história). E resolve fazer algumas mudanças no cabelo, o que obviamente foi visto como um sinal de afronta e rebeldia. Com isso os pais decidem manda-la para a academia Red Rock onde medicos não qualificados em um local de aspecto duvidoso tornam a trama mais sinistra. 

”Mas você decide como você vive sua vida no mesmo período. Você pode esconder o medo. Ou você pode viver a vida.”

 A amizade que se surge entre os pacientes é algo fascinante, eles tentam transpor todas as barreiras sociais ,para se manterem lucidos em meio ao caos. Uma das coisas que senti falhar um pouco foi o fato de em alguns pontos da trama Brit poderia dar um rumo completamente novo a sua vida. Apesar disso , você se prende ao que vai acontecer a seguir. 


“É só que nós gostaríamos de pensar que loucura e sanidade estão em extremos opostos de um oceano, mas na verdade eles são mais como ilhas vizinhas.”

A musica que ficou na playlist foi Monster  – Eminen feat Rihana. 


XoXo
Klau Tks
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s